sábado, 26 de fevereiro de 2011

RIO ACARAÚ

Com 373 quilômetros de comprimento, ele nasce na Serra das Matas, no município de Monsenhor Tabosa, no ponto mais alto do Ceará. Neste mesmo lugar nasce o Rio Quixeramobim. Também conhecido como Rio das Garças, banha dezessete cidades, constituindo-se como o segundo mais importante rio do estado, perdendo o posto para o Rio Jaguaribe.
Hoje nós, morrinhenses, temos água corrente o ano inteiro, o que não ocorria antigamente quando no verão era necessário a construção de cacimbas para tirar água para satisfazer as necessidades. E isso se deve graças à perenização do rio pelo Açude Araras, Paulo Sarasate, na cidade de Varjota.
Infelizmente mesmo com toda a importância que ele tem, de todos os benefícios trazidos, não é dado o merecido cuidado de que necessita. Em todo o percurso realizado, de sua nascente à desembocadura no Oceano Atlântico, em Acaraú, é flagrante a degradação das matas ciliares. Em certos pontos observa-se o rio com uma grande extensão de uma margem a outra, provocada pelo assoreamento, a retirada irregular de areia e a grande quantidade de esgoto doméstico e até industriais despejados em seu leito, ocasionando severos danos ao ecossistema do rio.
Por onde o rio passa traz grande desenvolvimento aos municípios, além de proporcionar lazer, fertilidade, dando aos habitantes destes lugares água em fartura e de qualidade. Agora, cabe a nós a ação da preservação para que tudo de bom que ele nos traz prospere para as futuras gerações.
DADOS:
NASCENTE: A 1154m de altitude, em Monsenhor Tabosa.
FOZ: Oceano Atlântico, em Acaraú.
COMPRIMENTO: 373km
CIDADES POR ONDE PASSA: Monsenhor Tabosa, Tamboril, Nova Russas, Ipueiras, Ipu, Hidrolândia, Cariré, Groaíras, Varjota, Sobral, Massapê, Santana do Acaraú, Morrinhos, Marco, Bela Cruz, Cruz e Acaraú.

Nenhum comentário:

Postar um comentário